Detentos do regime semi-aberto serão ressocializados através de prestação de serviços junto à prefeitura

Projeto é resultado de parceria do município com a vara de execução penal, ministério público, penitenciária e defensoria pública

 

O prefeito Daniel Sucupira recebeu, na manhã desta quarta-feira em seu gabinete, 16 detentos do sistema prisional da cidade que irão prestar serviços à prefeitura. Trata-se de uma parceria com a penitenciária para reintegração dos presos à sociedade. No projeto, a prefeitura vai usufruir da mão de obra dos detentos em várias frentes de trabalho, e em troca os mesmos terão a pena reduzida de acordo com os dias trabalhados. Nenhum detento terá remuneração pelos serviços prestados.

De acordo com o diretor geral da penitenciária, Ademilson Rodrigues Jardim, os detentos envolvidos nesse projeto são os que cumprem pena em regime semi-aberto, são beneficiados por saídas temporárias e apresentam bom comportamento.

Ademilson
Ademilson Rodrigues Jardim (Diretor Geral da Penitenciária)

No momento de sua fala, o prefeito Daniel Sucupira manifestou sentir um carinho especial pelos egressos da Associação de Proteção e Assistência aos Condenados – APAC, uma vez que já desenvolveu um trabalho nessa entidade quando foi Secretário Municipal de Agricultura. “Conheci pessoas lá que se mostraram arrependidas dos crimes que cometeram, e por isso, acho que devemos oferecer oportunidades não só aos que cumprem pena, mas aos que já cumpriram também”, disse.
A princípio, os detentos vão desempenhar atividades como auxiliar de serviços junto ao mutirão de limpeza das ruas, na operação tapa-buracos e em pequenas obras de infra-estrutura.

IMG_0572
O prefeito Daniel Sucupira firma compromisso com detentos para sua reintegração à sociedade

A defensora pública, Ana Gabriela Cardoso de Mello, agradeceu ao prefeito por acolher a iniciativa e fez um lembrete aos detentos. “Quero ressaltar que vocês nunca deixaram de ser cidadãos. Aproveitem esta chance e voltem à sociedade com a alma limpa”, pontuou.

Ana Gabriela Cardoso de Mello
Defensora pública Ana Gabriela Cardoso de Mello

Para o detento Antonio Marcos Silva, preso há oito anos, essa será uma grande oportunidade de se reintegrar na sociedade e aprender um trabalho. “Não só para mim, mas para os demais que estão nessa mesma condição será muito bom fazer parte desse projeto, pois além de conseguirmos a redução de pena, poderemos aprender uma profissão”, observou.

Antonio Marcos Silva
Antonio Marcos Silva (Detento)

No encontro dessa manhã, outros representantes de órgãos ligados a segurança pública compareceram para dar as boas vindas e manifestarem votos de sucesso aos detentos nessa nova empreitada na vida deles.

IMG_0548
Representantes de órgãos ligados a segurança pública vieram em apoio pela reintegração dos presos à sociedade
Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.